quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

De volta ao “San Siro”?

Nos tempos de crise profunda em que vivemos, teme-se que a Câmara Municipal do Bombarral não tenha meios financeiros suficientes para suportar a manutenção do Estádio Municipal, assim sendo, abre-se a possibilidade de todos os escalões da secção de futebol do Sport Clube Escolar Bombarralense (SCEB) voltarem a jogar no antigo Campo de Jogos.

Tarde de domingo, o silêncio reina no Campo de Jogos do SCEB, nas terras em redor das quatro linhas, ao invés de público, apenas se vêm ervas daninhas. Os muros enchem-se de líquenes e musgo, e as vedações vão-se deteriorando com o tempo.
Aos anos que a Rua Pedro Álvares Cabral não fica “entupida” nas tardes de domingo, pelas filas criadas na bilheteira do campo e pelos carros mal estacionados em toda a rua.
O placar do resultado já não se mexe, as bancadas já não se enchem de gente, o bar já não factura, e os balneários vão acumulando musgo no tecto devido ao pouco 
O Campo de Jogos do SCEB, ao qual algumas pessoas ligadas ao clube e à vila do Bombarral lhe chamam ironicamente San Siro (nome do estádio da cidade de Milão, onde actuam o Inter e o AC Milan), encontra-se de momento praticamente ao abandono, funcionando apenas a lavandaria e rouparia. Este campo sempre foi acarinhado pelos amantes do futebol no Bombarral, não só pela sua localização central na vila, mas também por alguma mística que representa.
A equipa sénior do SCEB abandonou este campo em 2006. Com a subida à III Divisão Nacional, na época 2005/2006 o clube viu-se obrigado a procurar um outro local para jogar, visto que os campos de terra batida só são permitidos nas divisões distritais.
Na época 2006/2007 os seniores do SCEB passaram a utilizar por aluguer as instalações do Estádio Municipal de Óbidos. No entanto as camadas jovens do clube continuavam a utilizar o campo de jogos como sempre o haviam feito.
No verão de 2007 foi concluída a construção do Estádio Municipal do Bombarral, que, para além de muito melhores condições que o campo de jogos tem um relvado sintético. Os seniores passaram a jogar e treinar sempre no Estádio Municipal do Bombarral, enquanto que as camadas jovens faziam alguns treinos e jogos no campo de jogos e outros no estádio. Na época seguinte todos os jogos se transferiram para o estádio, mantendo-se apenas alguns treinos no campo de jogos. Até que em finais de 2011 a caldeira do campo de jogos (ainda a lenha) se avariou e, sem água quente nos balneários, o campo passou a ficar inutilizável.
Segundo Ruben Sousa, natural da vila do Bombarral e ex-jogador da formação do SCEB, todos os escalões do clube correm sérias possibilidades de voltar a alinhar no campo de jogos, visto que os seniores voltaram a descer para as divisões distritais,
pelo que podem utilizar o piso de terra batida, e devido aos gravíssimos problemas financeiros que a autarquia do Bombarral atravessa, que podem colocar em causa a manutenção do Estádio Municipal. Contudo, é necessário conseguir meios financeiros para a aquisição de uma nova caldeira. O que será bastante difícil, visto que o clube atravessa uma grave crise financeira. Prova disso foi o acontecimento marcante da época transate, em que quase todos os jogadores do plantel sénior abandonaram a equipa por terem sido abordados pelo presidente para que os seus ordenados fossem diminuídos.
Com isto a equipa teve de jogar praticamente toda a temporada com jogadores do plantel júnior, que por sua vez garantiu a subida de divisão para a Divisão de Honra da Associação de Futebol de Leiria. Hoje o plantel sénior é composto maioritariamente por estes jovens, que representam o clube sem quaisquer recompensas monetárias.
Restam três hipóteses aos responsáveis da Câmara Municipal do Bombarral e da direcção do SCEB, ou a utilização volta na totalidade para o campo de Jogos com a condição da aquisição de uma nova caldeira, ou a câmara faz um esforço financeiro para continuar a efectuar a manutenção do estádio continuando todos os escalões a treinar e jogar no estádio, ou volta-se a efectuar um uso moderado das duas instalações, procurando um equilíbrio financeiro nas duas instituições, para que o estádio possa ser mantido e o campo de jogos sofra alguns melhoramentos e volte a ter o grande movimento que tinha.
 
Entrada lateral do Campo de Jogos do SCEB
 
Vista da bancada para a baliza norte
Estádio Municipal de Óbidos
 Estádio Municipal do Bombarral
 
 Pormenor das ervas com as bancadas ao fundo
Bilheteiras e portão de entrada do público
 Muro com líquenes e campo

Caldeira avariada
Placar do resultado


 Habitual balneário da equipa sénior, zona dos bancos
Ervas com o bar ao fundo
Areia e bancada ao fundo
Ervas, bandeira de canto e a baliza norte ao fundo
 Baliza sul, bar e bancadas ao fundo
 
 por: David Barata e  Eduardo Carvalho
 
*Este artigo não está escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Sem comentários:

Enviar um comentário