sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Cândida Pinto

Jornalista - Cândida Pinto
 Cândida Pinto nasceu em 1964, em Torres Vedras e é jornalista portuguesa de rádio e televisão.
 Descobriu a vocação para o jornalismo quando frequentava o 10º ano, com a disciplina de Jornalismo.
Mudou-se para Lisboa, onde estudou Comunicação Social no Instituto de Ciências Sociais e Políticas. Ainda enquanto era estudante começou a fazer estágios, tendo-se iniciado na Antena 1.
 A jornalista acabou por ficar a trabalhar no canal de rádio e posteriormente passou para a TSF-Rádio Jornal. Na altura do arranque da TSF, a jornalista estava na RDP e a fazer um curso de formação na Radiotelevisão Portuguesa. Na TSF, trabalhou com jornalistas de renome como Sena Santos, Emídio Rangel, Fernando Alves e Adelino Gomes.
 Apaixonada pela televisão, Contudo, a sua preferência foi para a área da reportagem.

 Ao aparecer a SIC, Cândida Pinto era já uma das jornalistas que integravam o quadro da redacção. Fez-se notar como uma das melhores repórteres do país. Especializou-se em grandes reportagens e em reportagens de guerra. Esteve em locais como:
Angola (1994)
Guiné (1998)
Kosovo (1999)
Timor e Afeganistão (2001).
 No ano de 2001 Cândida Pinto passou a dirigir a SIC-Notícias, canal especializado em informação, trocando as reportagens pela direcção de um canal privado por Cabo.
 No ano seguinte lança um livro "Lodo até à cintura", que descreve as dificuldades de um reportér em inicio de carreira e torna-se subdirectora do Expresso.
 Em 2008 a jornalista fica responsavél pela coordenação de todos os trabalhos jornalísticos conjuntos entre o canal SIC, o Expresso e a Visão, e também pelo projecto Expresso TV.
 Em 2010, Cândida Pinto vence a 12.ª edição do Prémio AMI - "Jornalismo Contra a Indiferença", com a reportagem "Eu e os Meus Irmãos".



Por: Patrícia Correia
fontes: infopédia e arquivo do jornal "Público"
fotografia: arquivo google

Sem comentários:

Enviar um comentário