quarta-feira, 30 de maio de 2012





Tudo começou há cerca de 15 anos atrás, quando um aluno decidiu expor o seu trabalho de fim de curso na sua própria casa nunca imaginando criar um evento tão envolvente como este. Nos dias 25 e 26 de Maio a cidade vai experimentar pela 16º vez a edição do Caldas Late Night, organizado pelos estudantes da Escola Superior de Arte e Design (ESAD).

Os alunos são convidados a expor os seus trabalhos na sua própria casa, nas ruas da cidade ou mesmo em lojas que não estejam ocupadas. Este evento de carácter artístico/cultural, de realçar o fim não lucrativo, envolve toda a comunidade, apelando à participação em massa nas actividades. Não existe limite criativo ou seja qualquer manifestação artística seja performance, instalação, design,artes plásticas, multimédia e música encontra o seu lugar neste evento. O recorde de participações foi atingindo este ano com cerca de 127 inscritos nas várias vertentes. 
O tema deste ano será “low cost” numa clara alusão à actual conjuntura económica e social, no entanto mesmo com as dificuldades a organização pretende realçar a criatividade dos alunos e o “estímulo à utilização de diferentes materiais nas criações dos alunos.” Três mil mapas com a localização de cada uma das intervenções artísticas foram impressos para serem distribuídos na sexta-feira aos visitantes, que, entre as 14:00 de dia 25 e as 02:00 do dia seguinte, só têm que “seguir o roteiro e deixar-se surpreender”. No sábado dia 26 o evento termina nas instalações da ESAD numa festa que atrai milhares de pessoas. Uma forma original e diferente que os alunos das Caldas encontraram de promover o seu trabalho, de uma maneira totalmente gratuita, envolvendo toda uma cidade à volta do seu trabalho, com tendência para crescer de ano para ano.

José Tiago Silva Ferreira

Sem comentários:

Enviar um comentário