terça-feira, 14 de outubro de 2014

Um futuro com várias opções



Filipe Dinis, 27 anos, é o actual assessor de imprensa da Académica de Coimbra e antigo estudante de Comunicação Social.

Para si, o que é o jornalismo?
A meu ver o jornalismo é uma profissão pela qual o jornalista passa a informação para o publico, quer seja pelo formato digital, em papel ou outras formas. Pois a comunicação social é muito importante sendo que ocupa o quarto lugar em termos de poder.

Quando foi que escolheu executar essa profissão? Gosta do que faz?
Desde muito pequenino que me interesso pela escrita, sempre gostei muito de escrever, depois escolhi fazer o curso de Comunicação Social num outro momento tive que escolher entre jornalismo e assessoria de imprensa, curiosamente escolhi jornalismo pois, sempre me interessei mais por assessoria mas depois mudei para assessoria de imprensa era realmente o que queria. Neste momento estou muito satisfeito com o meu emprego.

Nota alguma diferença no jornalismo que existia quando obteve o primeiro trabalho e o jornalismo de agora?
Sendo que não foi a muito tempo, pelo menos cinco anos atrás, o que mudou e está sempre a mudar é a importância das redes sociais. A internet está a adquirir um estatuto cada vez mais alto.

Acha que existem melhorias a fazer no jornalismo actual, sendo que existem muitas formas de fazer jornalismo hoje em dia?
Maus profissionais existem em todo lado, não só em jornalismo. Desse modo acho que existem melhorias por fazer e sempre vai existir.

Desde que trabalha nessa área de assessoria qual foi o momento que mais ficou na sua memória?
Ao longo desse tempo que trabalho para a académica existiram dois grandes momentos que me marcaram. Quando a Académica venceu a taça de Portugal em 2012 e quando estiveram na Liga Portuguesa em 2012/13.
                                                                     
                                                                                   

                                                                                                   Por: Larissa Costa

Sem comentários:

Enviar um comentário