sábado, 24 de dezembro de 2011

Demolição de antiga igreja gera polémica




Demolição de antiga igreja gera polémica 




A população do Mosteiro, uma localidade do concelho de Oleiros e distrito de Castelo Branco, encontra-se indignada com a demolição da sua antiga igreja com mais de uma década de existência sem o consentimento dos habitantes.
A polémica começou logo após a criação de um projecto que levava a cabo a construção de uma nova igreja. Atendendo à crise em que o país está mergulhado, os habitantes desta aldeia não concordavam com o gasto de elevadas verbas, quando se poderia apenas remodelar a antiga igreja.
Contudo, as obras iniciaram-se e o desagrado da população aumentou ainda mais quando verificaram que esta nova infra-estrutura nada tinha a ver com a antiga. Tratava-se de uma igreja moderna, com traços de última geração e sem a chamada torre piramidal, algo que para os habitantes era algo impensável.  
Concluídas as obras, a população foi apanhada de surpresa quando se deu início à demolição da antiga igreja, situada mesmo ao lado da recentemente construída, sem a aprovação das pessoas ali residentes.
Aclamando o enorme património histórico associado à antiga infra-estrutura, a população não se conforma com o facto de tal decisão ter sido tomada sem pedir a opinião de cada um, limitando-se apenas a seguir a vontade e os interesses de algumas pessoas ligadas à paróquia.


Fábio Aguiar
Redacção 1


Sem comentários:

Enviar um comentário