domingo, 18 de dezembro de 2011

Tema: religião

Amanda Costa, R2


Fotoreportagem: Igreja do Mosteiro de Arouca

De fundação pré-românica (século X), o Mosteiro recebeu Carta de Couto no século XII, momento que definiu o carácter de centralidade do cenóbio na vida política e administrativa da região. A sua importância revigorou-se com o padroado de D. Mafalda, filha de Sancho I, rainha de Castela. Materialmente, foram muitas as dádivas do seu erário que transitaram para o domínio do convento e terá sido por sua vontade que a comunidade monástica adoptou a regra de São Bernardo, já no século XIII, sendo como mosteiro cisterciense da ala feminina que se registaram os principais passos da sua história.

Igreja do Mosteiro de Arouca



Altar



Altar


Confessionário
Igreja do Mosteiro vista do altar
Rainha Santa Mafalda
Nossa Senhora de Fátima

Ambão




Órgão Ibérico


Pormenor de senhora a rezar









Sem comentários:

Enviar um comentário