quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Madeira volta a estar em alerta laranja



A população madeirense parece não ter descanso de cada vez que a chuva decide cair. Na passada terça-feira, foram muitos os serviços condicionados e estradas fechadas devido à chuva intensa que se fez sentir no arquipélago.  

Estrada de acesso à freguesia do Curral
das Freiras cortada
O Instituto de Meteorologia previu chuva e ventos fortes, bem como a ocorrência de trovoadas, sendo que o mau tempo e a intensa precipitação obrigaram dois aviões com destino ao Funchal a divergir para a ilha do Porto Santo.

No mar, estava previsto a chegada de um navio de cruzeiros, o “Gran Princess”, que acabou por cancelar a escala, não conseguindo atracar no porto do Funchal.
 
A Avenida do Mar e das Comunidades Madeirenses, a via principal da baixa da capital madeirense, esteve mesmo bloqueada devido às cheias que cortaram a circulação dos peões e automóveis.
Já no interior da região, a freguesia do Curral das Freiras, no concelho de Câmara de Lobos, esteve temporariamente isolada graças a derrocadas que impediram a veiculação, tendo posteriormente decorrido a limpeza dos detritos para normalizar a situação.

Muitos dos populares receosos optaram por não levar os filhos à escola nesse dia e outros tantos que viviam perto das ribeiras, por precaução decidiram sair das suas casas.

O Serviço Regional de Protecção Civil interveio e apelou à população que se mantivesse em casa e se afastasse de áreas montanhosas e zonas sensíveis ao desmoronamento de terras ou derrubamentos de árvores.


por: Patrícia Gouveia e Vânia Santos



*Este artigo não está escrito sob o novo Acordo Ortográfico.

Sem comentários:

Enviar um comentário