quarta-feira, 29 de maio de 2013

Mealhada das Maravilhas

   Iniciámos a nossa visita pelo concelho da Mealhada com um passeio pelo Parque da Cidade. Este é um espaço onde os mealhadenses se reunem para praticar desporto, passear e conviver. É um dos locais preferidos da população, pois liga a natureza ao bem-estar.
Relativamente à população do concelho, esta é maioritariamente adulta. Porém, vemos que o número de jovens é quase idêntico ao de idosos, o que faz com que a população esteja bastante equilibrada em ambas as fachas etárias.
   Na freguesia do Luso, uma das freguesias do concelho, situa-se um grande chamariz para a localidade. A Mata do Bussaco, que conjuga em si natureza, religião e história, é um dos pontos de mais interesse da Mealhada, sendo visitada por inúmeros turistas. Claro está que os habitantes locais tambem gostam de passar algum tempo pelo Bussaco e inúmeras são as actividades que lá se organizam, desde a Via-Sacra até à Romaria da Ascensão. Esta Romaria centenária é realizada todos os anos na quinta-feira da Ascensão, feriado municipal da Mealhada, e tende a preservar algumas tradições através dos grupos de rancho folcolórico da zona.
   Por último, mas não menos importante, falámos das 4 Maravilhas da Mesa da Mealhada. Todos associam o leitão à Mealhada, mas esta tem mais para oferecer a nível gastronómico. A água do Luso, conhecida mundialmente, o pão da Mealhada, com a sua reza para levedar e o vinho da região, juntam-se ao famoso leitão, detentor do prémio das 7 Maravilhas da Gastronomia de Portugal, para assim criar um banquete digno dos Deuses.
   A Mealhada é um concelho vivo, com vários locais de interesse e onde se encontra um restaurante a cada esquina. Por tudo isto, e por tudo o que ficou por contar, este concelho merece ser visitado por todos.

Por: Joana Amado

Sem comentários:

Enviar um comentário